sexta-feira, 25 de julho de 2014
Oi amores!
Esse post é especialmente para vocês que assim como eu amam mitologia grega e romance! Vamos falar um pouco sobre Goddess?

Dados Técnicos:
Título: Deusa da Luz
Autora: P.C.Cast
Edição: 1
Editora: Novo Século
ISBN: 9788576798361
Ano: 2012
Páginas: 384

Classificação: 5/5
Sinopse: Um romance encantador, em tons dourados, entre um deus e uma humana. Cansada de encontros com egocêntricos, a designer de interiores, Pamela Gray, está quase desistindo dos homens. Ela quer ser tratada como uma deusa – preferencialmente por um deus. Quando exprime seu desejo, inconscientemente, invoca a deusa Ártemis, que possui alguns truques em sua manga celestial... Os gêmeos Ártemis e Apollo foram enviados para o Reino de Las Vegas para testar suas habilidades. A primeira missão deles é realizar o desejo de Pamela. Então Ártemis faz de seu irmão dourado o voluntário. Afinal, quem seria melhor do que o lindo Deus da Luz para levar amor para essa mulher solitária? Deveria ser uma experiência, mas na Cidade do Pecado, onde a vida é um risco, tanto deus quanto mortal estão prestes a apostar um alto preço no jogo do amor. Arrisque-se, você só vive uma vez. Ou não é? 

Pamela é uma mulher divorciada há dois anos, bonita, com 30 anos e bem sucedida, no entanto após seu ex-marido problemático ela isola seu coração e o mantém trancado há 7 chaves, até que um cliente excêntrico faz com que ela viaje para Las Vegas, a cidade do pecado, e isso aliado a dois fatores: sua assistente e melhor amiga Ve dizer que ela precisa se libertar e curtir um pouquinho o lugar, e um mistério deus grego, literalmente, faz com que Pamela se arrisque e descubra que ela precisava de algo muito além do que imaginava.
Apollo é o Deus da Luz, incrivelmente bonito e ao mesmo tempo vazio, ele se sente deslocado, sem um propósito e a visita ao reino de Las Vegas sugerida por sua irmã Àrtemis parece uma ótima ideia até que um deus invejoso resolve fazer uma invocação de Àrtemis que acaba por funcionar com a ajuda involuntária de Pamela, gerando um laço entre a mortal e a Deusa até que o seu pedido mais sincero seja concedido. Nessa jornada de encontros e desencontros vivemos em um mundo repleto de magia e realismo criado por uma louvável deusa da escrita.

" A deusa sentiu uma pequena onda de alívio. Ao menos a mortal não lhe pedira que desse início a uma guerra, ou pior, que trouxesse paz para seu mundo. Tudo o que desejava era ter um romance com um deus.
Àrtemis olhou para seu belo irmão, cuja expressão revelava, sem sobra de dúvida, que ele se interessara pela moça.
Sentiu seu alívio aumentar. Aquilo não podia ser tão difícil." - Página 66

É claro que pouco depois Àrtemis descobre que nada é tão fácil quanto aparente e que a mortal não quer apenas um caso de uma noite e muito menos que seu desejo é puramente erótico, ele envolve muito mais sentimento do que até a própria Pamela gostaria de admitir.
Apollo no entanto se mostra um deus sensível e encontra na mortal tudo aquilo que ele queria para preencher o vazio de seu coração, em eras ele nunca havia sentido nada igual ao que Pamela despertava nele, inclusive ele pensa até em não fazer amor com ela para que o encanto não se quebre e ele não precise descobrir se ela gosta mesmo dele ou apenas do que o encanto faz com que ela goste. Sim, o deus da luz fica inseguro com uma reles mortal.

" Apollo a observou. Pamela estava molhada, desgrenhada; o cabelo, uma verdadeira bagunça. Tinha as roupas encharcadas e continuava apenas com um sapato, que agora manchava o edredon cor de marfim.
Sentiu o coração se apertar. Nunca se sentira tão atraído por uma mulher, mortal ou deusa, em toda a sua existência. " - Página 109

O livro me surpreendeu muito, principalmente pelo volume anterior da série ter deixado um pouquinho a desejar, principalmente em comparação ao terceiro que é o meu favorito " Deusa da Rosa". De qualquer forma desde o primeiro capítulo me identifiquei com a personagem principal e me permiti viver por aquele momento sua história e foi fantástico. 
Deusa da Luz é um livro suave e forte ao mesmo tempo, ele é doce, romântico e com toques eróticos. Cada personagem tem características próprias e muito pessoais, acredito que P.C.Cast deve ter sofrido ao escreve-lo, pois deveria ficar ouvindo Àrtemis reclamando que sua roupa não estava digna ou que aquela fala era muito boba para a deusa da caça, e falando nessa safadinha da Àrtemis quero muito que tenha um livro dedicado a ela na série, ela realmente me conquistou com seu jeito arrogante e seu amor incondicional por Apollo e sua felicidade. 
Os personagens são cativantes, o romance é na medida certa e daquele estilo tão lindo que dá quase vontade de chorar, o final é extremamente surpreendente e Meu Deus foi divino, além é claro de ter várias partes engraçadas no livro. 
Super recomendo e entrou para os meus favoritos.

" Estava obcecada. Sabia disso. E mais do que decepcionada por perceber que, na verdade, não se importava com seu estado. Pelo contrário, sentia-s como quando lia um livro maravilhoso: como se estivesse vivendo a vida de outra pessoa e desfrutando cada segundo." - Página 127

Beijos!

4 comentários:

  1. Não gostava muito deste livro porém depois de sua resenha começou a me dar vontade d ler
    beijos ,
    http://umcupcakeliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tati, tudo bem?
      Eu mesma demorei para lê-lo acho que é normal, mas é muito bom, realmente vale a pena!
      Beijos!

      Excluir
  2. sempre quis ter vontade de ler esse livro, parece ser bem legal. Otima resenha, beijos http://se-liga-menina.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fe, tudo bem?
      Agora você tem um super incentivo para ler, um grande beijo e obrigada!

      Excluir

Obrigada pela visita, é sempre bom poder encontrar você por aqui, mas para que isso possa ser mais bacana deixe um comentário para trocarmos ideias, que tal?
Beijos!

SEGUIDORES

Maria Margarida

Começando bem o ano

Quote da Semana

Quando se lançou naquela aventura sabia que deveria ser uma única noite, mas seu coração traiçoeiro não quis. Seu coração traiçoeiro quis coisas impossíveis. Coisas que teriam um preço.


Você Arranjou Um Problema - Silvia Fernanda
Tecnologia do Blogger.

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Total de visualizações de página

SPHair Cosméticos

Autores Parceiros

Autores Parceiros

Autores Parceiros

Blogues Parceiros

Autores Parceiros

Receba notícias no seu e-mail!

Fique por dentro em qualquer idioma!

PERFIL

Play!

PageRank

PageRank

set