quinta-feira, 31 de julho de 2014
Oi amores!
Hoje vim falar de um romance que consegue fofo e político ao mesmo tempo. Ficou confuso? Sem problemas, continue lendo que a gente explica!


Título: Neve no Lago
Autora: Susan Wiggs:
Edição: 2010
Editora: Harlequin  Books
ISBN:9788576873068
Páginas: 444
Sinopse: Um momento fugaz pode mudar a vida? Viver a vida ou não viver a vida? Eis a questão que Sophie fora obrigada a enfrentar. Ela sacrificara a convivência com seus filhos para salvar crianças desamparadas. Ela também tomara consciência de que seu casamento fora apenas uma fachada para ela e seu ex-marido, Gregory Bellamy, manterem o status quo de suas respectivas famílias. Mas chegara a hora da decisão final, e Sophie finalmente resolvera ouvir a voz do coração. 


Só para começar o livro entrou até nos meus #100happydays, por isso nem coloquei a classificação,  5 estrelas não é suficiente para o meu amor por esse livro. E por mais difícil de acreditar que seja o livro tem defeitos sim, mas ainda sim, ele é tão divino, uma história tão doce que é simplesmente impossível para qualquer mulher que curte romance ignorar o amor que ele faz com que brote em seu peito por essa obra.
Sophie é uma mulher bem sucedida, recém divorciada e tem dois filhos lindos que ela quase nunca vê e quando vê é tudo muito mecânico devido a falta de contato entre eles. Tudo parece bem comum na vida de uma mulher moderna, correto? A única coisa é que Sophie é uma das advogadas em um caso super importante de repercussão mundial, envolvendo diversos políticos que perderam suas fortunas e todo seu poder. O que gerou um enorme incidente terrorista em que por diversos motivos Sophie acaba sendo sequestrada como refém, como sua única saída ela vê jogar a vã da ponte, afinal morreria de qualquer jeito, só que graças a um milagre e muitos anos praticando nado Sophie é a única sobrevivente e é óbvio que isso tem um enorme impacto em sua vida.
Depois de diversos médicos e até mesmo da oferta de uma promoção, ela resolve largar tudo e simplesmente seguir seu coração até Avalon onde seus filhos e seu neto, sim neto, moram com seu ex-marido e a sua nova esposa.
Chegando nessa cidade pequena ela a encontra em meio a uma nevasca por causa do lago, mas ainda sim decidi enfrenta-la, pois quer chegar o mais rápido possível, até que um cervo entra em seu caminho e desesperada ela deslisa e acaba parada na estrada sem saber se assassinou ou não o cervo, além de estar machucada pelo impacto.
E é nesse cenário, em meio a  uma catástrofe que um mocinho maravilho aparece Noa Shepherd, lindo, veterinário e pronto para resgata-la não só de uma acidente, mas de sua vida de culpa.

" E nesse exato momento estava curiosa sobre o estranho que a resgatara. Noah Shepherd, um veterinário. Ele parecia adequado a esta grande e antiquada casa de fazenda. Possuía um toque gentil e curativo e, no meio do desastre, ela confiara nele inteiramente. Não sabia por quê. Talvez fosse sua força de urso e o fato de que optava por não usá-la. Ou talvez fosse a expressão de preocupação em seu rosto - um rosto anormalmente másculo, com queixo quadrado, ossos faiais belissimamente esculpidos e sorriso plácido." 
No começo da resenha falei que esse era um livro que consegue ser fofo e ao mesmo tempo político e agora vou contar o motivo de acha-lo político. Enquanto acontece todo o romance divino com Noah, Sophie se culpa ainda pela criação dos filhos, por simplesmente não estar tão presente quanto acha que deveria na vida deles, afinal ela havia trocado reuniões de pais e mestres por reuniões com chefes de estado e em busca da paz mundial e isso é algo muito presente essa briga interna entre a mãe que trabalha fora que quer transformar o mundo em um lugar melhor para os seus filhos versus a mãe que fica em casa apenas para cuidar deles. Durante todo o livro, há cada capítulo há essa discussão e essa culpa, é como eu disse no começo, o livro não é perfeito, mas ainda sim o amei e o que faz com que ele não seja perfeito é exatamente isso, a culpa de Sophie é enorme e repetitiva até o final do livro.

"  Sentada com filhos, netos e um novo animal de estimação, Sophie se viu tomada por uma sensação de felicidade pura e simples." 
Ao mesmo tempo também existe o dilema entre a cidade pequena e o que ela vai fazer enquanto seus filhos estão vivendo suas próprias vidas, ela não conhece ninguém além de seu vizinho gostoso e pretende mudar isso, apesar de nunca ter vivido em uma cidade pequena ainda mais para sempre.

" Contudo estava sendo extremamente otimista. Não seria nada fácil fazer o povo de Avalon depositar confiança na ex- esposa de Greg Bellany. Mesmo assim, estava determinada a fazer com que isso acontecesse. Significaria levar seus filhos de carro à escola e comparecer a eventos esportivos, consultas médicas e reuniões de pais e mestres. Significaria ser anfitriã de festas de aniversários, rir das piadas bobas de Max, ouvir as esperanças e temores de Daisy. Era um contraste berrante com sua vida anterior; com sua empolgação e apostas altas. Contudo, de uma forma diferente, as apostas estavam ainda mais altas agora." 
A escrita de Susa Wiggs é tão envolvente porque os personagens parecem muito reais, acredito que se for para Avalon vou ficar procurando e provavelmente vou encontrar alguém que seja uma Sophie ou o Noah, ou Greg enfim vou acabar esbarrando com todos os personagens, aproveitando vou falar um pouquinho mais sobre cada um deles.
Esse é o primeiro livro que li da série Diários do lago e é o quarto volume, isso não afeta em nada a leitura, mas fiquei curiosa para ler os anteriores porque alguns casais aparecem e eu gostaria de conhece-los melhor, principalmente o ex - marido de Sophie Greg Bellany que tem sua história com Nina, que parece ser muito fofa.
Noah é um homem perfeito em suas imperfeições, ele é louco para formar uma família ter filhos, esposa e netos e quanto Sophie chega sendo uma mulher perfeita para ele, com dois filhos e um netinho ele se encanta ainda mais. O veterinário é meio garotão bad boy ao mesmo tempo, ele tem uma banda de rock e sabe patinar no lago, mora na fazenda de seus pais e só saiu da cidade para cursar a faculdade. Ele muitas vezes briga com Sophie quando ela precisa e isso faz o encaixe funcionar.
Daisy é a filha mais nova de Sophie e com apenas 18 anos se tornou mãe solteira e deu a luz a Charlie, acredito que ela terá um livro apenas dela, pois existe todo um triângulo amoroso do pai de Charlie, Logan que quer se casar com ela e assumir o filho, mas como ele usava drogas e era um bad boy bem barra pesada com que Daisy se envolveu apenas para irritar os pais , ser rebelde e procurar chamar atenção de sua mãe ausente e tem também um garota que ela conhece há anos por quem é apaixonada, mas fica na friendzone.Além de tudo isso ela passa pelos mesmos dilemas da mãe, deixar o filho para ir estudar fotografia que é sua paixão e trabalhar ou ficar com ele e ser uma mãe mais presente do que a sua foi.
Max é um garoto bem comum, ele faz várias atividades extra curriculares como jogar hoquei e se considera na faixa de pessoas normais, nem populares nem excluídas, ele demora a se aproximar de Sophie, o que só acontece de fato devido a uma grande ajuda de Noah quem ele adora, e também se envolve em uma confusão mental enorme por seu pai ter se casado de novo e agora sua mãe namorar novamente. Acredito que isso realmente complique a cabeça de um adolescente.
E por fim Sophie, a doce Sophie, ela é uma mulher que quer apenas ser amada, se sentir segura de si mesma como mãe e profissional ao mesmo tempo, ter certeza que pode cuidar de seu neto e ser uma boa namorada para Noah, quer se sentir confortável nessa nova cidade e ao mesmo tempo sente falta, muita falta mesmo de seu trabalho.
Acredito que seja isso amores sem spoilers, é um livro pelo qual me apaixonei profundamente e a autora me vez querer ler até um rascunho que ela faça em um guardanapo sujo, sério, estou apaixonada pela escrita de Susan Wiggs.

" Noah tinha exatamente o sabor que ela esperara provar, gosto de alguma coisa doce que não tinha nome. Cheirava a ar frio e floresta, com um leve toque de fumaça, combinação que ela considerou inacreditavelmente sensual. Numa questão de segundos, ela se perdeu na textura da boca, no leve restolho da barba no rosto, na cascata de cabelos negos e ondulantes que roçavam suas faces." 

Beijos!

10 comentários:

  1. Gostei da resenha, mas acho que acharia um pouco mais legal se focasse mais nesse trabalho dela porque quando você contou que ela foi sequestrada eu fiquei bem entusiasmada!
    bjs
    felicidadeinventada.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, tudo bem?
      Então o trabalho em si aparece bem pouco no livro é coisa de 15 páginas no total, por isso achei que não valia tão a pena comentar com enfoque nele, mas obrigada pela dica.
      Beijos!

      Excluir
  2. Eu já li esse livro é perfeito , e se sua resenha divou haha
    beijão *--*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, tudo bem?
      Ah ele é mesmo! Adorei o da resenha divou! haha
      beijos!

      Excluir
  3. Não conhecia, mas parece ser bem legal. Adorei sua resenha, super completa e adorei a foto também
    http://toobege.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mari, tudo bem?
      Ah é ? Ele é muito bom!
      Beijos!

      Excluir
  4. adorei a resenha fiquei curiosa para ler rs beijos ótimo final de semana
    Está no ar flores PRODUTINHO MILAGROSO PARA OLHEIRAS + Preparação de Pele! Escondendo as imperfeições!!
    http://www.blzinteligente.com/2014/08/produtinho-milagroso-para-olheiras.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, tudo bem?
      Nossa fico muito feliz!
      A vou conferir lá no seu blog!

      Excluir
  5. Oi, suas resenhas estão cada vez melhores, me envolvem e deixam louca pra ler os livros que vc indica.
    Sobre o livro, já vi uma outra resenha em algum lugar, de alguém dizendo que o livro era otimo.
    Pelo jeito deve ser mesmo.
    rsss
    Vou ter que descobrir.
    bjs
    http://gracirocha.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Graci, tudo bem?
      Jura? Ah fico tão feliz de ouvir isso!
      É sim, guria! Qualquer coisa te empresto ele depois, ta bom?
      Beijos!

      Excluir

Obrigada pela visita, é sempre bom poder encontrar você por aqui, mas para que isso possa ser mais bacana deixe um comentário para trocarmos ideias, que tal?
Beijos!

SEGUIDORES

Maria Margarida

Começando bem o ano

Quote da Semana

Quando se lançou naquela aventura sabia que deveria ser uma única noite, mas seu coração traiçoeiro não quis. Seu coração traiçoeiro quis coisas impossíveis. Coisas que teriam um preço.


Você Arranjou Um Problema - Silvia Fernanda
Tecnologia do Blogger.

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Total de visualizações de página

SPHair Cosméticos

Autores Parceiros

Autores Parceiros

Autores Parceiros

Blogues Parceiros

Autores Parceiros

Receba notícias no seu e-mail!

Fique por dentro em qualquer idioma!

PERFIL

Play!

PageRank

PageRank

set